Top 5,5 "melhores" cenas de Cinderela Baiana

Quem já teve a sorte de assistir a essa maravilhosa pérola do nosso cinema nacional? O clássico trash “Cinderela Baiana”, com Carla Perez e Alexandre Pires (que namorava a loira na época) contava inclusive com a presença de Lázaro Ramos.

Achei as 5,5 melhores cenas do filme nos Melhores do Mundo, veja abaixo as melhores partes do filme.

5ª Posição: as incríveis atuações dos coadjuvantes
Isso é sensacional. Não faço idéia de como foi a seleção dos atores coadjuvantes… provavelmente foi mais um daqueles casos de “ah, pega aquela tia da vizinha e faz ela decorar essas três falas aqui. Depois colocamos mais cenas de pessoas dançando e tá tudo no esquema”.

Olha o talento e interpretação dessa baiana com sotaque carioca… “iluminaRRRRR minha vida”.

4ª posição: Sugar as mulheres
Essa é muito boa… é aqui onde o vilão da história explica o seu plano maligno: o grande inimigo, com toda a sua inteligência e perspicácia, quer explorar a pobre Cinderela Baiana, marcando dois shows na mesma noite. O problema é que esses shows acontecem em países diferentes (EUA e França). Ou ele tem uma máquina de teletransporte escondida debaixo do bigode ou ele não faz a noção de onde fica Paris e Nova Iorque:

3ª posição: o texto bem decoradinho
Essa cena é muito boa! Aqui, o pai da Carla Perez fala com um peão qualquer… Vejam só todo o talento e interpretação deste fantástico ator, que pronuncia todo o texto milimetricamente correto. Que pronúncia invejável!

Reparem que, na última cena, o peão está falando com ninguém! O fusquinha simplesmente desapareceu!!!

2ª posição: a porradaria
Essa cena poderia ficar perfeitamente na primeira posição… enfim, ficou na segunda mesmo.

Nesta cena, uns capangas fazem uma emboscada no Alexandre Pires e sentam o cacete nele. Essa é a MELHOR CENA DE LUTA DE TODA A HISTÓRIA DO CINEMA MUNDIAL.

Sério, quantas dezenas de horas o “diretor” precisou para garantir tamanha sincronia entre os golpes? Nem Bruce lee, Chuck Norris ou Steven Seagal fariam melhor:

1ª posição: Campanhas Demagógicas
E chegamos ao fim do filme… e à primeira posição deste Top 5,5.

Ao final da película, a Cinderela Baiana faz um discurso “tocante” contra a pobreza, discriminação e trabalho infantil. O discurso é super-forçado, com as metáforas mais piegas e óbvias do universo (tem até a metáfora do passarinho na gaiola). E o melhor: depois do discurso, vem uma música do nada e todos começam a dançar!!! Totalmente surreal!!!

0,5 posição: quem te viu, quem te vê!

E chegamos à nossa posição 0,5, a posição meia-boca!

A cena abaixo não tem nada demais. Mostra a Cinderela Baiana chegando ao seu barraco depois de um banho de loja. Agora vejam só quem é o moleque que ajuda a moça com os pacotes…

Isso mesmo, um dos mais conceituados atores da nova geração! Lázaro Ramos…

Enfim, o filme é muito ruim, mas se você estiver afim de dar algumas risadas, basta ir até a locadora e alugar o VHS!

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!