Exposição de fotos do “antes e depois” de pessoas que morreram causa polêmica

A pergunta é: vale tudo em nome da arte?

Depois das polêmicas envolvendo uma exposição que deixou um cão morrer de fome e da artista que estava disposta a fazer uma exposição mostrando seus próprios abortos , agora surge, na Inglaterra, um fotógrafo que está causando polêmica ao resolver expôr fotos do antes e depois de doentes em estado terminal, numa exposição chamada “Vida após a Morte”.

O fotógrafo, Walter Schels, fotografou 24 pessoas pouco antes delas morrerem, tudo sob o consentimentos delas próprias. Longe de ser caricato, Schels, de 72 anos afirmou ao jornal The Sun, que o intuito do seu trabalho é mostrar como o inevitário afeta a todos nós.

Além das várias fotografias, também é possível saber um pouco mais da vida de cada “modelo”, tornando inevitável uma reflexão sobre a vida e a morte.

Veja algumas das fotos expostas.

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!