A morte, por Pedro Bial

Este vídeo inevitavelmente me fez comparar a uma série de acontecimentos recentes que envolveram morte. Quinta-feira da semana passada, às 12:30 recebi um e-mail de um cliente que eu tratava com certa frequência. Como não poderia responder naquele momento li o conteúdo e marquei-o como “não lido” para depois respondê-lo adequadamente – no dia seguinte fui informado que às 15:00 daquele mesmo dia este cliente havia morrido, vítima de um acidente de trânsito, seu carro foi destroçado por uma carreta. O interessante é que fiquei com aquela sensação de: ‘como assim?’. Curiosamente uma parte do texto fala sobre isso.

Bom, sou meio suspeito de falar do Bial, na minha opinião ele tem um extraordinário bom gosto para escrever, neste caso específico conseguiu resumir em algumas palavras essa fantástica e misteriosa hora chamada ‘morte’.

Compare preços de:
Celular | PS3 | Webcam | Miniaturas de bonecos | Disco de Vinil | Fotografias antigas

Mais Postagens
Mais Postagens
Parceiros
Comenta aí, butequeiro!